O CONTO DO ALIMENTO SAUDÁVEL

Eu estava na fila do supermercado quando – bem em frente à seção de molhos de tomate – parou um jovem rapaz que encheu sua cesta com produtos que demonstravam a sua preocupação com a saúde e também a sua total falta de conhecimento sobre o que é comida de verdade. O rapaz – que exibia seus músculos em uma regata verde – era claramente mais uma vítima da indústria alimentícia e seu poderoso marketing, que nos faz acreditar em uma infinidade de informações mentirosas. Rapidamente identifiquei os falsos alimentos saudáveis em suas escolhas: suco de caixinha detox, iogurte light e barrinha de cereal (até outro dia eu me gabava por consumir essas barrinhas, me achando a pessoa mais saudável e Fit do mundo, até que, com a leitura certa, descubro que elas são cheias de ingredientes nocivos à saúde).

Estava prestes a invadir a vida do tal rapaz – feito uma louca ou uma tia velha que diz ‘leva o casaquinho que pode fazer frio’ – quando a atendente gritou bem agudo ‘PRÓ-XI-MO’, e eu fui, deixando para trás o rapaz, suas compras erradas e seus músculos. Mas, pensando nele e em tantas outras pessoas que querem mudar minimamente a alimentação e mesmo assim caem nas armadilhas da falsa comida saudável, compartilho aqui uma dica de leitura essencial: o livro ‘Regras da Comida’, de Michael Pollan – jornalista americano que, aos 61 anos, é uma das mais influentes vozes no mundo quando o assunto é comida.  E antes que torçam o nariz para o título, que remete a coisa chata por conta da palavra “regras”, saiba que a leitura é simples, eficaz e por vezes engraçada.

Baixe o livro na íntegra e gratuitamente pelo link http://bit.ly/29R2Llq

#Bonus>> teste revela que barrinhas de cereal não são saudáveis

Rapaz de camiseta verde, essa é para você!


curta: http://www.facebook.com/cozinhasemfiltro
**Comente no campo abaixo
Anúncios